Administração reúne artesãos de Santa Maria para emissão de carteirinhas

Para avaliar os artesanatos, a Secretaria de Turismo enviou uma equipe especial, que após analisar os produtos e a ficha de cada artesão, emitiu 39 carteirinhas. Os demais ficaram pendentes de documentação e serão reavaliados posteriormente.

A Carteira Nacional do Artesão tem validade de 04 (quatro) anos, é emitida gratuitamente seguindo as orientações constantes na Base Conceitual do Artesanato Brasileiro, o seu uso é obrigatório em todos os eventos de divulgação, promoção e comercialização do Programa do Artesanato Brasileiro – PAB. Propicia outras vantagens, tais como: Participação em feiras de artesanato nacionais e internacionais; Participação em oficinas e cursos de artesanato ofertados pelo PAB; Isenção da cobrança de ICMS de produtos artesanais comercializados no Distrito Federal; Emissão de Nota Fiscal Avulsa Eletrônica – NFAe mediante cadastro junto à Secretaria de Estado de Fazenda do Distrito Federal.A Administração Regional de Santa Maria reuniu, na manhã do último dia 20 de abril, 5ª feira, 50 artesãos da cidade para dar entrada no processo de emissão de Carteira Nacional do Artesão.

O administrador Hugo Gutemberg informou que esta foi mais uma ação do governo do Distrito Federal com o objetivo de profissionalizar o artesão e ajudar a aquecer o comércio da cidade, visto que, com a carteirinha em mãos, o artesão pode participar de feiras e exposições locais e regionais. (Texto e foto: Colaboração/Ascom/Santa Maria)

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*