ÁGUAS LINDAS- Promotores vistoriam obras de hospitais regionais de Águas Lindas e St Antônio do Descoberto

O coordenador do Centro de Apoio Operacional da Saúde, Eduardo Prego, e os promotores de Justiça, Ana Carolina Portelinha Falconi e Wagner de Magalhães Carvalho, de Santo Antônio do Descoberto, e Denise Nóbrega Ferraz Neubauer, de Águas Lindas de Goiás, estiveram em vistoria às obras dos hospitais regionais dos dois municípios do entorno do Distrito Federal. Após as visitas, os membros do MP-GO reuniram-se com representantes da Secretaria Estadual de Saúde (SES), da Controladoria-Geral do Estado e do Ministério da Saúde para ajustes quanto às obras de conclusão das unidades de saúde.

Águas Lindas de Goiás

Durante a vistoria às obras do hospital de Águas Lindas foi constatada a instalação do ar condicionado, assim como a conclusão da pintura e a colocação do piso de alguns blocos. Além disso, a empreiteira está realizando as adequações propostas pela Vigilância Sanitária e finalizando os demais blocos.

De acordo com o superintendente de Gestão, Planejamento e Finanças da SES, Lucas Paula da Silva, os equipamentos e mobiliários para o hospital já foram adquiridos. Ele acrescentou que até abril deste ano as obras devam estar finalizadas e a Organização Social contratada. Por fim, garantiu que se reunirá com o município para adequar a acessibilidade ao hospital, que fica em local de difícil acesso.

Santo Antônio do Descoberto

Em relação à unidade do município de Santo Antônio, a empresa que executará a obra fará um diagnóstico e apresentará à SES todos os projetos necessários para a conclusão do hospital, no prazo de 30 dias. Desse modo, após a apresentação desse diagnóstico, a Secretaria Estadual apresentará ao Ministério da Saúde todos os projetos (elétrico, hidráulico, de gases, etc). Eduardo Prego informou que acompanhará as obras com visitas periódicas, de no máximo 45 dias.

 

(Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO – fotos: Arquivo do Programa do Entorno).

 

 

 

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*