Atleta de jiu-jitsu do Guará é destaque no DF

O lutador de Jiu-jitsu Jaime Rodrigues da Costa, 28 anos, faixa preta, morador no Guará, e que disputa na categoria meio pesado (até 88,300 k), não para. Campeão brasiliense deste ano e terceiro colocado na Seletiva de Brasília, que por pouco não o colocou na competição mundial disputada todos os anos em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes.

No ano passado, Jaime conquistou duas competições importantes. Uma, em nível regional, o Centro-Oeste. Na outra, foi campeão do chamado NAGA (divisão norte-americana desse esporte nos EUA).

Agora se prepara intensamente para o Desafio de Lutas Casadas em Goiânia, marcadas para o dia 26 de novembro próximo. Será um duelo entre lutadores de Brasília x Goiânia. Jaime, ao lado de outros competidores, representará o DF.

Jaime com amigos na Academia Gustavo Sampaio
Jaime com amigos na Academia Gustavo Sampaio

A equipe dele é a 2 Brothers BFC, que fica na 704 Norte, onde também treina firme, sob a supervisão dos professores Sandro Bala e Júlio Pudim.

Já a preparação física toda ela é feita com o professor Gustavo Sampaio, o Labareda, dono da academia que leva o seu nome. Grande parte do sucesso de Jaime vem desse profissional e também desportista, que é nada mais, nada menos do que campeão mundial de caratê deste ano, conquistado no dia 30 de outubro último em Okinawa, no Japão. E não ficou só por aí: no dia 12 de novembro passado foi campeão de jiu-jitsu na modalidade NO-GI, também em Okinawa. Labareda foi um dos primeiros a participar do TUF UFC no Brasil.

O atleta com outros campeões da Gustavo Sampaio, destaque para o mestre Labareda (D)
O atleta com outros campeões da Gustavo Sampaio, destaque para o mestre Labareda (D)

Para 2017, Jaime Rodrigues, em janeiro, terá pela frente mais um desafio. Desta feita, é mais por patrocínio para estar presente no Europeu, que será realizado em Lisboa, Portugal. Embora a competição seja na Europa, não é restrita apenas a atletas do continente; é aberta a outros atletas do mundo inteiro.

Nos dias 3 e 4 dezembro próximo, Jaime também terá de brigar por patrocínio. A competição será o Open Brasília, onde vários atletas de outros estados e de países de muitos continentes vão marcar presença. Para obter a inscrição, ele precisa de recursos financeiros.

 

PUBLICIDADE

ANUNCIO ALMOÇO

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*