Bombeiros e policiais cedidos à CLDF traz problemas ao governo, que terá que ressarcir União

Governo de Brasília vai precisar ressarcir a União pelos policiais civis, militares e bombeiros cedidos à Câmara Legislativa. De acordo com o Tribunal de Contas do DF (TCDF), pela lei, os salários e outras benesses dessa categoria de servidores têm de ser bancados com recursos do GDF nesse caso de ‘desvio de função’ e não com recursos do Fundo Constitucional (FCDF).

O TCDF pede também que o Governo de Brasília avalie quantos servidores foram cedidos pelas corporações nos últimos sete anos – período a que se refere a ação – e calcular o valor gasto.

Administração do Núcleo Bandeirante também teve problemas no ano passado com a presença de militares cedidos pelos Bombeiros

O TCDF pede o  ressarcimento ao Fundo Constitucional dos vencimentos pagos pelo governo à categoria.

No ano passado o TCDF também pediu a devolução dos salários dos bombeiros cedidos às administrações regionais, como a do Núcleo Bandeirante, que concentrava o maior número da categoria, todos apadrinhados do atual administrador Roosevelt Vilela, que voltou ao cargo este ano. (Da redação)

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*