ENTORNO-DF / Manifesto por iluminação e melhorias na BR 040, em Valparaíso, causa engarrafamento de 10 quilômetros

Um manifesto organizado pela Aciparque, uma associação administrativa da Cidade Jardins-Parque das Flores, em Valparaíso de Goiás parou parte da BR 040, na altura do bairro Parque São Bernardo. Pelo menos uma das faixas da via foi fechada com faixas de repúdio a atual situação do trecho da BR 040 que corta Valparaíso. O local, em parte, não tem iluminação, ganhou discretas melhorias com a privatização da pista, vencida pela Via 40, e a BR continua sendo palco de vários acidentes e cenas de violência, como assassinatos e atropelamentos.

De acordo com um dos organizadores, o vice-presidente da Aciparque, Vanderli Fernandes, a intenção é chamar atenção das autoridades e dos gestores da Via 40, consórcio que administra a BR 040, prefeitura e até candidatos a prefeito. “Esse manifesto é algo bem organizado e que pede na verdade paz e melhorias”, diz.

Manifesto provocou engarrafamento de aproximadamente 10 quilômetros
Manifesto provocou engarrafamento de aproximadamente 10 quilômetros
Vanderli, da Aciparque pede providências do poder público
Vanderli, da Aciparque pede providências do poder público

Vanderli acrescenta que o manifesto ainda pede uma audiência pública no Legislativo da cidade para discutir o tema e traçar ações para evitar que mais gente morra na região devido aos problemas, que inclui falta de viadutos e outras melhorias, incluindo até sinalização.

Histório de problemas antes e depois da privatização

Os problemas na BR 040 no trecho que corta Valparaíso se acirraram após de Antônio Rodrigues em 7 de setembro desde ano, quando o homem de 45 anos tentava atravessar a via exatamente o ponto onde não há iluminação. Ele foi morto com facadas no pescoço quando reagiu a um assalto.

Desde então, as redes sociais, como grupos de WhatsApp da cidade foram ‘inundadas’ de críticas, o que obrigou a prefeita Lucimar Nascimento a dar esclarecimento sobre a situação. Em nota, ela informou que a iluminação seria de responsabilidade da  Via 40, o que foi rebatido também em  nota pelo consórcio, jogando a culpa para a prefeitura.

Desde então o tema virou um dos principais assuntos e promessas entre os candidatos a prefeito da cidade.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*