Laerte Bessa articula com o governo federal reajuste para a Polícia Civil

 

A pressão pela paridade da Polícia Civil está cada vez mais forte. Na segunda-feira (23) o deputado federal Laerte Bessa (PR-DF) esteve com o presidente Michel Temer para questionar a resistência do governador Rodrigo Rollemberg em enviar a mensagem ao Executivo Federal que trata dos pleitos dos policiais. Na ocasião, o presidente ligou para o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, afim de construir uma saída para resolver o impasse.

“Dependemos do governador para conseguir a tão sonhada paridade, mas já percebemos que ele não tem nenhuma intenção de resolver essa questão. Ele sequer recebe a categoria para apresentar uma contraproposta”, reforçou o parlamentar.

O encontro no ministério aconteceu no dia seguinte, terça-feira (24), com a presença de representantes dos sindicatos da categoria. Bessa informou ao ministro Dyogo que voltou a solicitar a Temer a edição de uma Medida Provisória com a recomposição salarial dos policiais civis do DF nos moldes recebidos pela Polícia Federal. Entretanto, o presidente, mais uma vez, afirmou que não poderia adotar essa medida sem a anuência do governo do DF.

Uma das alternativas apresentadas durante a reunião é a inclusão na pauta da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado o Projeto de Lei da Câmara (PLC) nº 51, de 2015 que regula a utilização pelo Governo do DF das Polícias Civil e Militar e do Corpo de Bombeiros.

O próximo passo dessas articulações é um novo encontro com o presidente, para viabilizar tanto o PLC como a PEC da Federalização.

 

Fonte:Assessoria de Comunicação Deputado Federal Laerte Bessa (PR-DF)/ Foto: Divulgação

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*