Marconi Perillo lança ‘Goiás na frente’ na Cidade Ocidental e garante R$ 850 milhões para o Entorno do DF

Em cerimônia bastante concorrida, e na presença do vice-governador, José Eliton, deputados, secretários, prefeitos e lideranças, o governador do Estado de Goiás, Marconi Perillo lançou na manhã desta quarta-feira (3/5) na Cidade Ocidental (distante 45 quilômetros do Plano Piloto) o Programa Goiás na Frente. Ao todo, o projeto prevê investimentos praticamente em quase 250 cidades goianas. Estariam disponíveis quase R$ 9 bilhões no Caixa do Estado para atender às demandas, sendo três deles, uma contrapartida da iniciativa privada. No chamado Entorno de Brasília, os recursos serão na ordem de 850 milhões.

No evento desta quarta, Marconi falou da prioridade para o Entorno Sul. Ele explicou que Luziânia, Cidade Ocidental, Novo Gama e Valparaíso estão entre as primeiras cidades beneficiadas pelo programa.

Fábio Correa, prefeito da Cidade Ocidental garante que verba vem em boa hora: asfálto na pauta

Durante o discurso do prefeito anfitrião, Fábio Correa, que comanda a Cidade Ocidental, o chefe do Executivo explicou que os primeiros recursos advindos do programa serão investidos no recapeamento do asfalto na cidade, onde serão investidos cerca de R$ 5 milhões. Ao mesmo tempo, parte da verba do programa possibilitará a construção de 500 casas populares para a população carente. No entanto, áreas como a segurança também devem ser contempladas.

Já o presidente da Câmara da Cidade Ocidental, Leandro da Silva Moura ­­­disse que o Legislativo local vai sempre apoiar as melhorias necessárias para a cidade.

Lêda Borges, o prefeito de Valparaíso, Pábio Mossoró e o deputado Célio Silveira, presentes no evento.

Em Valparaíso, o montante para a recuperação do asfalto chega a R$ 7 milhões. Mas a cidade receberá bem mais. Somente a construção de uma unidade do Hospital de Urgências de Goiânia na cidade deve receber cerca de 300 milhões. Porém, o prefeito local, Pábio Mossoró não explicou se os recursos para a construção do hospital serão somente de verbas do ‘Goiás na frente’. Outro investimento na cidade será a construção de um campus da Universidade de Goiás, orçado em quase R$ 5 milhões.

Já em Luziânia, o prefeito Cristovão Tormin informou que a verba que a cidade vai receber será muito bem vinda, e que a prefeitura local vai priorizar obras de infraestrutura, em especial recuperação da malha asfáltica, mas o Executivo vai ouvir a comunidade para priorizar as demandas. “Neste momento de crise que o país vive, esses investimentos são como um oásis para as cidades de Goiás”, ressume.

Liderança na região, a deputada (licenciada para compor secretariado ) Lêda Borges disse que o Entorno Sul é uma de suas prioridades e do Governo Marconi Perillo. Ela ainda prometeu uma delegacia da mulher para a região.

GALERIA DE FOTOS

Cristóvão Tormin, prefeito de Luziânia disse que prioridade na cidade é a infraestrutura

Leandro, o presidente da Câmara Municipal da Cidade Ocidental disse que Legislativo apoiará ações
Sônia Chaves, prefeita do Novo Gama, durante apresentação do programa

 

 

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*