Moradora do Guará, Miss DF tenta título nacional em São Paulo neste sábado (1/10)

Depois de brilhar no DF, a representante local no Miss Brasil, a bela jovem Sarah Alves, começou no último dia 22 o ‘confinamento’ em um hotel de São Paulo para a disputa da competição em nível nacional. O ritual faz parte da agenda de todas as candidatas ao título, e tem como objetivo prepará-las melhor para a disputa que será realizada em 1º de outubro próximo, no Citibank Hall, na capital Paulista. A vencedora ganha o direito de disputar o Miss Universo, ainda sem data marcada.

Na última segunda-feira a reportagem do Blog do Amarildo conversou com familiares de Sarah e também com o produtor do Miss DF, Clóvis Nunes, que nas últimas semanas se dedicou praticamente de forma integral para prepar melhor a candidata para o Miss Brasil. “Nessa hora a gente precisa se dedicar o máximo, e muitos detalhes precisam ser vistos, a preparação vai além da parte física”, explica Nunes.

Sarah, durante treinos de Muay Thai, com a irmã Natasha: sonho em família
Sarah, durante treinos de Muay Thai, com a irmã Natacha: sonho em família

O produtor do Miss DF diz ainda que Sarah está muito bem avaliada pelos jurados, que fazem a pré-seletiva, onde 15 delas já entram classificadas para a próxima fase, e as outras já são eliminadas, mesmo sem saber. “Nossa previsão é que Sarah fique no mínimo entre as cinco, pela avaliação que fizeram, falaram bem da Sarah, por isso estamos com muitas esperanças inclusive de vencer o concurso”, comenta.

A irmã de Sarah, Natacha Alves explica que a família da miss está dando todo o apoio necessário para a modelo vencer o concurso. “Acreditamos que no momento certo todas as coisas acabam por acontecer. Seguir em frente e ajudar na realização do sonho de um ente querido sem medir esforços, resume bem o significado do que é fazer parte de uma família. Foco determinação, amor e fé são os ingredientes principais para se alcançar o que buscamos”, falou Natacha à reportagem.

Quem é Sarah Alves

A bela jovem eleita Miss DF deste ano entrou no concurso local quase por acaso. Ela foi convidada em situação peculiar pela produtora Juliana Campos, que realizou o Miss Sudoeste/Octogonal. “Estava resolvendo umas coisas em uma faculdade de Águas Claras, quando a conheci, a beleza chamou minha atenção e fiz o convite”, diz Juliana. Sarah aceitou e venceu o concurso no Sudoeste, e sagrando-se a mulher mais bonita do DF em julho.

Serviço

Foto:  Zé Takahashi, com fotos de arquivo de família

Cabelo: Carlos Araújo

Maquiagem: Leila Fernando Mirando

PUBLICIDADE

Anuncio_Dlourdes_RevistaEncontro_20,5x27,5_Aprovado.indd

 

 

 

 

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*