Parque do Guará fecha ao público entre 31 de julho e 2 de agosto para treinamento de brigadistas

O  Parque Ecológico Ezechias Heringer ficará excepcionalmente fechado ao público entre 6 e 17h dos dias 31 de julho, 1 e 2 de agosto para o treinamento de 200 brigadistas. A Unidade de Conservação retoma suas atividades normalmente após as 17 e até as 22 horas. Na sexta-feira, dia 3, o acesso público volta aos horários normais, de 6h as 22h. A informação é da Administração Regional do Guará e do Instituto Brasília Ambiental – Ibram.

O treinamento dos brigadistas se deve à necessidade para que possam atuar contra incêndios florestais nas Unidades de Conservação do Cerrado no DF. As aulas práticas e testes de capacidade, orientadas por especialistas em prevenção, combate ao fogo e resgate de animais, do Ibram e do Corpo de Bombeiros, serão feitas durante três dias na área do Parque Ecológico Ezechias Heringer, no Guará II, entre 6 e 17 horas. Destes, pelo menos 100 candidatos serão selecionados e contratados para atuar, durante os próximos seis meses.

A iniciativa é um esforço para evitar a crescente ameaça que os incêndios têm provocado nas áreas protegidas do DF, diante do avanço da seca nesse período do ano. O número de ocorrências tem aumentado a cada ano.

Os brigadistas foram chamados por meio de um processo seletivo simplificado, lançado pelo Ibram no inicio de julho, para contratação temporária de Chefe de Brigada, Chefe de Esquadrão e Brigadista Florestal. Eles atuarão por um período de seis meses.

Com a realização das provas práticas da seleção de brigadistas temporários, o Parque Ecológico Ezechias Heringer ficará excepcionalmente fechado ao público entre 6 e 17h dos dias 31 de julho, 1 e 2 de agosto. Mesmo nesses dias, entretanto, a Unidade de Conservação retoma suas atividades normalmente após as 17 e até as 22 horas. Na sexta-feira, dia 3, o acesso público volta aos horários normais, de 6h as 22h.

PUBLICIDADE

 

 

 

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*