SUJEIRA NO GUARÁ – Trabalhos de roçagem continuam em ritmo lento e pessoas já não conseguem andar em algumas partes da cidade

Apesar do empenho do administrador regional do Guará, Luiz Carlos em deixar a cidade limpa nos próximos dias, o ritmo dos trabalhos está muito abaixo do esperado pela população, e enquanto isso, a cidade nunca esteve tão suja. O mato não escolhe quadra ou calçada. Por onde há algum espaço verde, tudo foi tomado pelo mato.

Na manhã desta quarta-feira (10) a reportagem do Blog do Amarildo esteve em vários locais da cidade, e não faltaram reclamações de moradores. “Está uma vergonha, nunca houve limpeza aqui desde que a chuva começou”, comentou o morador da QI 22, Edivaldo do Carmo.

 

O morador da QI 22, Edivaldo do Carmo diz que até hoje não foi feita nenhuma roçagem em sua quadra desde o início das chuvas

Um pouco mais à frente, na mesma quadra, a moradora Stephanie Sidon afirmou que já não suporta mais, e que bichos peçonhentos aparecem dentro de casa diariamente. “Até escorpião já achamos aqui, e baratas então, aumentou muito”, comenta.

No calçadão que liga a QE 46 ao Restaurante Palhoça, um flagrante da reportagem mostra crianças tentando atravessar um trecho coberto pelo mato. As crianças mal saíram na foto tamanho está o capim (foto no alto).

Parquinhos e quadras também foram tomadas pelo mato. Na QE 38, já sem manutenção, um parquinho no complexo esportivo da quadra desapareceu no meio do mato.

Roçagem

A roçagem no Guará começou há um mês, mas até agora os trabalhos pouco avançaram. Com uma equipe pequena, a Administração do Guará limpou até agora a avenida central do Guará, algumas partes do Guará I e nesta quarta, foi vista perto da QE 44. O Parque Denner também recebeu a limpeza. No mais, a cidade continua tomada pelo mato três meses após o início das chuvas, com várias áreas sem uma só roçagem durante todo esse período.

GALERIA DE FOTOS

Pista que margeia a QI 22
Calçada que liga a QI 22a Estação Guará (metrô)
Até as quadras esportivas estão sendo tomadas pelo mato
Além do mato, falta de manutenção em equipamentos públicos chama atenção
Área verde no Guará I
QI 16 – Guará I

 

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*