Anápolis – Com apoio do senador Vanderlan, Centro UniEvangélica vira universidade

Compartilhe nosso Trabalho

Juntamente com a bancada goiana, senador trabalhou ativamente pela mudança de status da UniEvangélica

O senador Vanderlan Cardoso (PSD-GO) participou, na noite desta segunda-feira (31), da solenidade de anúncio da transformação do Centro Universitário de Anápolis em Universidade Evangélica de Goiás. O evento contou com a presença do ministro da educação Milton Ribeiro e do governador Ronaldo Caiado, em Anápolis.

Desde 2019, o senador goiano vem trabalhando ativamente pela mudança de status do Centro Universitário. “É motivo de muita honra e orgulho para mim, enquanto parlamentar, ter feito parte dessa história e ter ajudado na criação dessa nova Universidade. Quero destacar, também, o trabalho de toda bancada federal goiana que é muito unida e não tem medido esforços para atender todas as demandas que chegam até nós, independente de cor partidária”, disse o senador.

Vanderlan ressaltou que, a exemplo do ocorrido com as universidades supernovas, entre elas, Jataí e Catalão, a transformação do Centro Universitário de Anápolis em Universidade Evangélica de Goiás é um marco não só para Anápolis, mas para a história da educação brasileira.

“Tive a honra de ser escolhido o coordenador dos trabalhos que resultaram na criação das seis universidades supernovas, entre elas, Jataí e Catalão, e na sua independência administrativa e financeira. E agora tivemos mais um vitória com a UniEvangélica. Temos também que dar o crédito a todos que trabalharam e o presidente Bolsonaro deu o seu aval. Muitos trabalham o lado negativo do nosso Brasil e eu sempre digo que a minha pauta é a pauta positiva porque tem muita coisa boa acontecendo no nosso país”, disse.

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, falou sobre a mudança de status da UniEvangélica. “A providência de Deus é maravilhosa. Deus preparou esse tempo para que um pastor ministro pudesse assinar com vocês o credenciamento da UniEvangélica como Universidade Evangélica de Goiás. Os atos têm sido feitos eletronicamente, mas fiz questão de vir pessoalmente para tornar esse um ato festivo juntamente com o governador, senadores, deputados, reitores e comunidade”, disse o ministro.    

UniEvangélica

Criada por um grupo de cristãos em 31 de março de 1947, a Associação Educativa Evangélica (AEE), se tornou Universidade 74 anos após a sua fundação. A primeira instituição mantida pela associação foi o Colégio Couto Magalhães, criado no ano de 1932, em Anápolis. De lá para cá, a UniEvangélica já foi Faculdades Integradas, Centro Universitário e, agora, atingiu o grau de Universidade Evangélica de Goiás.

Atualmente, possui mais de 10 mil alunos, 80 laboratórios, 40 cursos e 1.800 colaboradores. Oferece cursos de graduação, pós-graduação e mestrado. Possui o maior conceito do Ministério da Educação em Anápolis e figura como uma das melhores no Estado. O resultado do Índice Geral de Cursos (IGC) 2019 confirmou que a instituição está entre as principais de ensino superior em Goiás. Com conceito 4, permanece entre as quatro melhores, conforme a avaliação. O curso de medicina tem conceito 5.

Fotos e texto: Colaboração da Assessoria de Imprensa do senador Vanderlan

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*