“Entre Mundos”fala sobre o lucro do sexo na internet

Compartilhe nosso Trabalho
No episódio “Prazer Lucrativo”, Pedro Andrade acompanha o passo a passo do trabalho de uma vovó dominatrix

No programa “Entre Mundos” deste domingo (05/12), às 22h30, Pedro Andrade investiga os bastidores de um negócio que prosperou durante a pandemia, tornando-se o ganha-pão do trabalhador do sexo. Uma fonte de renda por meio da internet, estimulada pela proliferação das plataformas que colocam os empreendedores do ramo em contato direto com seus fãs e clientes. Mais que um hobby ou bico, a atividade gera muito dinheiro para seus empreendedores. “A gente está falando de uma indústria multibilionária e, com a chegada à internet, esse universo cresceu muito”, explica o apresentador. 

No episódio “Prazer Lucrativo”, Pedro conversa com pessoas que levam esse negócio muito a sério, como uma avó brasileira de 69 anos, que passou a trabalhar como dominatrix. Nesse papel, ela exerce o comando da relação com os homens, envolvendo ou não o sexo, e mostra, na prática, como realiza o trabalho.  Os influenciadores do sexo atuam no universo pornográfico a partir de qualquer país. Com todo mundo em casa, praticando o isolamento social, as opções se multiplicaram. Nos Estados Unidos, eles estão espalhados por várias cidades, como Nova York. Em conversa com alguns desses entrevistados, Pedro Andrade pergunta se o acesso por meio da internet contribui para diminuir o preconceito contra a profissão. Ainda, nesta edição o “Entre Mundos”, apresenta o caso de um influencer que se tornou a atração do público gay, conquistou milhões de seguidores, é dono de um império do ramo e está lançando a própria plataforma de streaming.   *Entre Mundos, com Pedro Andrade, vai ao ar todos os domingos às 22h30min, com reapresentação às segundas-feiras, às 05h15min

Sobre a CNN
BrasilA CNN Brasil começou a operar em 15 de março de 2020, produzindo conteúdos multiplataformas, com notícias transmitidas na TV, rádio, site, aplicativo e YouTube e, ainda, em perfis nas redes sociais Instagram, Facebook, Twitter e LinkedIn, pushes, notificações, newsletters e podcasts.A emissora já conquistou 11 prêmios e, em seu elenco, figuram alguns dos jornalistas mais reconhecidos e com maior credibilidade junto ao público nacional, além de novos talentos do telejornalismo.

Texto e foto: FR Comunicação

  
Agência FR

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*