Neste sábado (30), escritor de Pernambuco apresenta novo livro em atelier-cafeteria de Olinda

Compartilhe nosso Trabalho

Com todas as condutas de segurança contra a COVID-19, Israel Pinheiro estará presente para autografar a obra “Um deus que não passeia sobre as águas” no dia 30 de janeiro

Ao homenagear as belezas de mares infinitos do Nordeste – principalmente nas regiões de Recife e Pernambuco – o escritor Israel Pinheiro lança o livro de contos Um deus que não passeia sobre as águas (veja o release aqui). São seis histórias contemporâneas que retratam, sob o prisma do indivíduo, o peso e o impacto das transformações culturais, tecnológicas e econômicas dos tempos atuais.

A obra estará à venda com preço promocional, no dia 30 de janeiro (sábado), das 15 horas às 19 horas, no Atelier Arte Machê Café, em Olinda (PE). A entrada é gratuita e conta com todos os cuidados e prevenções contra a COVID-19. Na ocasião, o autor vai autografar as obras e estará disponível para conversar com o público sobre o livro.

SOBRE O EVENTO

Venda do livro “Um deus que não passeia sobre as águas”
Sessão de autógrafos com o escritor Israel Pinheiro
Entrada gratuita
Dia: 
30 de janeiro de 2021
Horas: 
15h às 19h
Onde: 
Atelier Arte Machê Café
Endereço: R. São Bento, 90 – Varadouro – Olinda (PE)

Ficha técnica:Título:  Um deus que não passeia sobre as águas.  
Autor: Israel Pinheiro
ISBN:  978-65-5531-878-4 
Editora:  autografia 
Altura:  14×21 
Páginas: 176 
Preço: R$ 40,00 – eBook R$ 18,00
Onde comprar: Amazon; Livraria Travessa e E-commerce Autografia Editora
Preço promocional no lançamento: R$ 30,00

Sinopse: Essa é uma história feita de muitas histórias. Histórias que têm como pano de fundo Recife e suas belezas de mares infinitos. Mas também de um Recife construído pelas bordas, por pessoas postas à margem. Essa é uma obra polifônica. Composta por múltiplas vozes e olhares que ora se afastam, ora se convergem, formando uma costura surpreendente. Olhares tão pesadamente humanos que nos fazem suspeitar da realidade que habitamos. Olhares que nos interrogam e nos convidam a trilhar um ousado caminho: o da crítica. Crítica ao real, crítica à representação do real, crítica aos velhos modos de pensar, sentir e olhar. Crítica capaz de nos trazer um renovo e de nos mostrar caminhos ousadamente inéditos.

Sobre o autor: Cristão de espírito moderno, nascido em 1984, pai de Daniel. O escritor pernambucano Israel Pinheiro é autor do livro “As Histórias que Contei”.

Para outras informações ou marcar uma entrevista com o Israel Pinheiro, entre em contato:
LC – AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*