ONG que ampara crianças com câncer em Macapá (AP) é assaltada pela 2ª em menos de dois anos

Para ajudar a repor os itens que foram levados e realizar reformas, instituição lança campanha virtual

Na madrugada do último dia 12, a ONG Carlos Daniel, que acolhe crianças e adolescentes com câncer entre 0 e 17 anos, foi roubada em Macapá (AP). Os assaltantes levaram cestas básicas e produtos de higiene e limpeza destinados às famílias dos pequenos, além de um bebedouro que havia sido doado à entidade. Como se não bastasse, ainda quebraram móveis e destruíram o forro do teto. Agenilson Silva, fundador e responsável pelo lugar que funciona desde 2015, está indignado. O espaço, batizado em homenagem ao filho que morreu de leucemia com apenas sete anos de idade, já fora invadido menos de dois anos atrás.
 
O atendimento a crianças com câncer no Amapá é, em geral, precário. A ONG Carlos Daniel consegue assistir todo o estado e também as comunidades ribeirinhas do Pará. Uma de suas ações mais relevantes acontece por meio de uma parceria com a Secretaria de Saúde. Em um esforço conjunto, as instituições não só conseguem encaminhar pacientes para tratamento em São Paulo, como também encontram casas de apoio para as crianças e seus familiares se hospedarem durante o processo. As passagens de avião são pagas pelo SUS.
 
Agenilson precisa, agora, de toda a ajuda possível para dar continuidade a esse bonito trabalho. Ele, que mantém a cabeça raspada desde a morte de Carlos Daniel e que descobriu na ONG uma forma de superar sua dor, ainda ministra palestras sobre a conscientização e necessidade do diagnóstico precoce de câncer, além de distribuir presentes fantasiado no Dia das Crianças. “Foi através da luta do meu filho que percebi o quanto eu era egoísta. Ele me ensinou como podemos mudar o mundo com pequenos gestos de amor. Sou uma pessoa melhor hoje”, afirma.


A Razões para Acreditar, comovida com tamanha solidariedade, resolveu fazer sua parte e disponibilizou uma vaquinha online na plataforma Vooa. “Não vamos contribuir somente com o que perderam, mas reformaremos o lugar. Há um cômodo vazio que transformaremos em um quarto de acolhimento completo, com beliches, televisão, roupas de cama e toalha. Será um alento para as famílias que vêm de longe e precisam dormir ali”, conta Vicente Carvalho, fundador do Razões para Acreditar.

Caso deseje contribuir com a campanha, basta acessar a vaquinha virtual na Voaa: https://voaa.me/ong-criancas-roubada. Por meio de PIX, não existe doação mínima. Para pagamentos em boleto, cartão de crédito e Paypal, o valor mínimo da doação na plataforma é de R $25,00. Acompanhe o trabalho da ONG no perfil do Instagram @ongcarlosdanieloficial.


Serviço:
Campanha para ONG roubada
https://voaa.me/ong-criancas-roubada
 
Para fotos, entrevistas e mais informações:
Carolina Fonseca
(21) 99153-3443 | [email protected]
 
Sobre o Grupo Razões:
Razões Para Acreditar é o maior grupo de conteúdo positivo do país. Criado em 2012, a plataforma reproduz histórias reais que inspiram pessoas a mudar o mundo. Com mais de 12 milhões de contas alcançadas apenas no Instagram semanalmente, mais de 5 milhões de seguidores nas redes sociais e 3 milhões de leitores acessando o site mensalmente, o Razões se tornou parceiro de grandes marcas como Cielo, OLX, Stone e O Boticário ao criar projetos de conteúdo inspirador, real e sob medida. Desde 2019, o engajamento gerado pelo site também já ajudou a arrecadar mais de R$ 20 milhões em 325 campanhas por meio da Voaa, a vaquinha do Razões.

Texto e foto: colaboração da
Assessoria Grupo Razões

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*