Que tal buscar a saúde mental?

Compartilhe nosso Trabalho

E o que é saúde mental? Como posso ter? O que fazer para melhorar?
Saúde mental é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças ou enfermidade. É sentirmo-nos bem connosco próprios e na relação com os outros.É sermos capazes de lidar de forma positiva com as adversidades.É termos confiança e não temermos o futuro.Então devemos encontrar uma maneira saudável, manejável e, de preferência, prazerosa para balancear o lado bom e ruim da vida. Essa busca leva tempo e muita tentativa e erro para encontrar a sua fórmula, essa fórmula precisa se tornar um hábito. Ela precisa se tornar parte integral de sua lista de afazeres, mas sem ser uma obrigação. 

A Saúde mental de uma pessoa está relacionada à forma como ela reage às exigências da vida e ao modo como harmoniza seus desejos, capacidades, ambições, idéias e emoções.

Acreditar no seu potencial e em suas habilidades fortalece a ideia de que você tem a capacidade necessária para gerenciar os momentos de crise e superar as dificuldades.


Para alcançar essa busca, é necessário o autoconhecimento.O autoconhecimento é um processo que objetiva identificar padrões de pensamento e hábitos pessoais e, a partir disso, permitir que o indivíduo consiga melhorar suas respostas comportamentais e tomadas de decisão. O autoconhecimento começa dentro da mente e se reflete no exterior, mudando positivamente a forma como uma pessoa percebe o mundo e reage a diferentes situações.autoconhecimento permite guiar o indivíduo pelo seu desenvolvimento pessoal até o encontro da sua felicidade.
O primeiro passo é parar e olhar para dentro de si mesmo e fazer as peeguntas:Qual é sua história? Quais são seus valores e suas motivações? Como os outros personagens da sua vida entendem que você é ?


Quando o indivíduo desenvolve o autoconhecimento toma consciência das suas metas, desejos, objetivos e propósitos, repensa suas atitudes, fortalece suas qualidades, enfrenta as eventuais mudanças de cabeça erguida, repensa suas atitudes, potencializa sua coragem, reconhece e aceita suas emoções negativas e trabalha para que elas sejam modificadas.


Todo esse processo permite que o indivíduo cresça e conheça a sua essência, alcance uma melhor qualidade de vida e bem-estar e ainda adquira autonomia sobre a sua vida, sua história e seus objetivos.
Então a saúde mental está relacionada à qualidade da interação individual e coletiva. No cenário atual, buscar alternativas que possibilitem a harmonia nessas relações é uma urgente necessidade. Por isso precisamos entender  que o autocuidado é capaz de melhorar a nossa autoestima e nosso poder de tomada de decisões, entendemos também que se trata de uma forma de praticar o amor próprio, pois – diferente do que muitos pensam – cuidar de si não é uma forma de egoísmo, e sim uma forma de se fortalecer e aumentar a nossa capacidade de ajudar ao próximo. Afinal, como ajudar o outro sem antes estarmos bem com nós mesmos?! O autocuidado, portanto, nos proporciona maior qualidade de vida, pois fortalece nossa autoestima, nossa autoconfiança e a nossa capacidade de tomar decisões frente aos desafios da vida cotidiana.

Psicanalista e Hipnoterapeuta Sheyla Almeida
Instagram  @Sheylaws

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*