GUARÁ – Até o vice-governador Paco vai ao SOF Sul ouvir demandas por segurança

Compartilhe nosso Trabalho

Evento ocorreu na tarde da última terça-feira, 17, no SOF Sul

O que era para ser uma simples reunião para discutir a segurança no Guará, no SOF Sul, na presença de síndicos, empresários e o tenente coronel Aragão, do 4º Batalhão, ganhou contornos mais ‘avantajados’ com a presença surpresa do vice-governador Paco Brito, que esteve por lá e confirmou em sua fala a importância da participação da comunidade na construção do diálogo para melhorar a segurança na cidade. O evento aconteceu no Restaurante Viking Chopp & Parrilla, na Quadra 19 e durou cerca de duas horas. Mesmo com a presença de Paco Brito, os anfitriões do evento eram de fato os síndicos e empresários, que falaram sobre a demanda do bairro. Maioria foi unânime em afirmar que a algazarra com som automotivo é o que mais incomoda os moradores.

Lúcia Caiado, síndica do Living Park: “Os jovens, em especial, ligam som automotivo em auto volume e incomoda muito”

Síndica do condomínio Living Park, Lúcia Caiado afirmou que o policiamento no bairro é bom, mas a questão da importunação às famílias com excesso de barulho promovido especialmente por grupo de jovens ainda preocupa. “Ficam no estacionamento com som auto, fumando drogas, e isso incomoda todos”, relatou.

TC Aragão, comandante do 4o Batalhão disse estar atendo às demandas

Convidado ao evento, o comandante do 4º Batalhão, TC Aragão afirmou que a polícia está atenta às demandas, mas reconhece que a questão do importunação à tranquilidade pública. “De fato, é um crime de menor potencial agressivo, mas não podemos deixar ocorrer, porque tira a paz das famílias, e vamos sim, intensificar as rondas na região para inibir esse problema”, relatou. O policial ainda afirmou que assim como boa parte do Guará, o bairro vem dando um bom feedback com a PM, e isso ajuda no patrulhamento.

Carlos Kobayashi, empresário do setor ajudou a organizar reunião: demandas no setor

Gilberto Ferreira, que ‘sediou’ o evento, disse que a aproximação dos empresários e lideranças da região é importante para evitar que a violência se espalhe pela região, que hoje é bastante visada por abrigar muitas famílias de classe média. Ele fez elogios ao trabalho da PM, colocando-se à disposição, sempre que necessário.

Ao final, alguns empresários reclamaram de pequenos furtos e mais problemas com excesso de barulho em outras quadras do bairro.

O evento foi realizado graças a uma articulação de lideranças locais, tendo à frente o presidente da Associação Comercial do SIA, Carlos Kabayashi.

GALERIA DE FOTOS

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*